20171122Aljustrel mineirosCom a extracção e a lavaria paradas, a greve dos trabalhadores das minas de Aljustrel começou ontem com muita força. Um numeroso e combativo piquete de greve formou-se à entrada das instalações e, com outros trabalhadores, deslocou-se em manifestação até à vila.
23.11.2017


A greve começou às 6 horas de quarta-feira, dia 22, e terminará às 8h30 de domingo, dia 26.

Como se refere nos pré-avisos de greve apresentados pelo STIM à Almina, à Empresa de Perfuração e Desenvolvimento Mineiro e à Urmáquinas, são objectivos da greve:
 - A melhoria dos salários e demais matérias de expressão pecuniária;
 - Melhoria das condições de Saúde e Segurança no Trabalho;
 - Pela humanização dos horários de trabalho na lavaria;
 - Pela normalização das relações de trabalho na empresa, contra a repressão sobre os trabalhadores;
 - Pelo direito à negociação e pelo reconhecimento do sindicato representativo dos trabalhadores.


Os trabalhadores foram em manifestação à vila, para dar a conhecer a luta e os seus motivos (Vídeo do STIM)

Ver também:
- Mineiros de Aljustrel em greve (SIC, 22.11.2017)
- Extração e produção de minério paradas nas minas de Aljustrel (Lusa na TVI, 22.11.2017)