20170512Cabelauto RibeiraoUm trabalhador contratado a termo retomou no dia 2 o seu posto de trabalho, como efectivo, na empresa Cabelte Metals, em Ribeirão, Vila Nova de Famalicão, no dia 2, dando cumprimento ao recente acórdão do Tribunal da Relação de Guimarães, que deu provimento à decisão da primeira instância, informou o SITE Norte.
6.3.2018


A Cabelte Metals - Transformação de Metais foi condenada a reintegrar o trabalhador Diogo Ribeiro, que estivera contratado a termo, ficando assim reconhecido o vínculo laboral efectivo, por abuso sucessivo do recurso a contratos a termo.

O sindicato enalteceu a determinação e a coragem do trabalhador, pois, para além de reivindicar na Justiça o seu posto de trabalho permanente, já tinha aceitado, sem qualquer medo, enquanto trabalhador precário, ser delegado sindical. O trabalhador reiterou o compromisso de continuar a exercer as suas funções sindicais após a reintegração.

Este é um exemplo bem vivo de que os trabalhadores, organizados no seu sindicato, estarão sempre mais protegidos e melhor defendidos, salienta o SITE Norte, numa nota que divulgou à comunicação social.