20190107ThyssenKruppElevadores-arquivoFicou oficialmente sem efeito a alteração dos horários de trabalho, que teria efeitos a partir de hoje e fora justificada pela direcção da Thyssenkrupp Elevadores com a intenção de mudar o serviço Thyssen Mais - informou a Comissão Intersindical da Fiequimetal na empresa.
1.2.2019

 

Na última reunião de negociação salarial, a 9 de Janeiro, a Comissão Negociadora Patronal (CNP) demonstrou estranheza, quando confrontada com a tentativa de implementar a alteração do horário de trabalho. A Comissão Negociadora Sindical (CNS) da Fiequimetal apresentou o documento oficial com tal pretensão, que tinha sido entregue, em dezembro, pela direcção da empresa.

20190131ThyssenkruppA CNP assumiu então o compromisso de anular, oficialmente, a entrada em vigor dos turnos. Agora, num comunicado em distribuição aos trabalhadores desde 25 de Janeiro, a Comissão Intersindical (SIESI, SITE Norte, SITE Centro-Norte e SITE CSRA) anunciou que este compromisso foi cumprido.

 

Prioridade aos salários

A CNS entregou no dia 9 o Caderno Reivindicativo para 2019. Um dos objectivos é que seja possível a reaproximação dos salários entre 2019 e 2022, para acabar com a discriminação salarial.

A CNP comprometeu-se a entregar em breve uma contraproposta para a revisão salarial e apresentar datas para a próxima reunião de negociação.

Não sendo previsível a aplicação dos aumentos salariais no final de Janeiro, a CNS defende que os futuros valores deverão ser aplicados com efeitos retroactivos ao primeiro dia de 2019.

A negociação salarial é a prioridade da Comissão Negociadora Sindical.

Quanto aos horários, na reunião ficou claro para todos que apenas será aceite a negociação da melhoria do serviço Thyssen Mais enquanto regime de disponibilidade, e não noutra modalidade que permita a desregulação dos horários normais de trabalho.

Os sindicatos da Fiequimetal e os representantes dos trabalhadores continuam a trabalhar para que, pela via negocial, se possa melhorar os salários, reduzir progressivamente a discriminação salarial, enquadrar as categorias profissionais em níveis com progressão bem definida, aumentar as restantes rubricas salariais e facilitar a conciliação do trabalho com a vida pessoal.

 

Luta com resultados

A Comissão Intersindical da Fiequimetal valoriza a participação, a mobilização e a afirmação dos trabalhadores contra a tentativa de imposição de horários por turnos, em toda a empresa, que poderia afectar todos. Comprova-se que a luta traz resultados!

Esta postura deve-se manter, por parte dos trabalhadores, até que seja alcançado um acordo positivo para todos.

A intenção de alteração do serviço Thyssen Mais por parte da direcção fica, oficialmente, sem efeito.

A mobilização, a participação e a luta dos trabalhadores são fundamentais para melhorar as condições salariais e de trabalho, e para travar todas as tentativas de aumentar a exploração dos trabalhadores na empresa.

 

Ver também
- Comunicado da Comissão Intersindical
- Exige-se na Thyssenkrupp salários e horários melhores (8.1.2019)